Cerveja belga aprova PET reciclado e substitui shink

Texto original retirado do site Plásticos em Revista

0
116
Cerveja belga aprova PET reciclado e substitui shink
Foto: Pixabay

Apesar do assédio exercido há décadas, até hoje PET não passou do umbral no envase de cervejas. No entanto, a luta continua e ilustra a parceria da cervejaria belga Martens Brewery com o grupo alemão KHS. Inicialmente a marca é a principal em sistemas de envase e embalamento de bebidas. Desse trabalho conjunto já brotou um projeto com crachá de sustentável, este o multipack de seis garrafas de 500 ml da cerveja Karlskrone. A cerveja belga aprova PET reciclado, sendo recém produzidas com o material e sem filme shrink para agrupar e proteger o lote.

O desenvolvimento atende pedido da rede supermercadista alemã Aldi. A linha possui a meta de disponibilizar todos os produtos de marca própria em embalagens reutilizáveis, recicláveis ou compostáveis até 2022. Já os de marcas de terceiros até 2025, mesmo ano em que a Aldi planeja consumir metade do volume de embalagens plásticos que registra hoje em dia.

Quer saber mais detalhes quanto a cerveja belga aprovar pet reciclado? Acesse a matéria original no site Plásticos em Revista e confira. Para ter mais detalhes sobre o mercado, continue acompanhando o blog da Feiplastic.

Comentários